Criado em 2003 com o objetivo de desenvolver atividades de educação, pesquisa e de responsabilidade social, o Instituto Fleury obteve resultados consistentes nessas três áreas, tornando-se uma referência diante da comunidade médica, de pesquisadores e das comunidades contempladas pelas ações sociais que foram elaboradas com ênfase em saúde preventiva.

Com a reestruturação organizacional promovida pelo Grupo Fleury em 2007, parte importante  das atribuições do Instituto Fleury passaram a ser de responsabilidade de áreas corporativas da empresa em face da importância que essas atividades passaram a representar para a empresa no relacionamento com seus diferentes públicos estratégicos. O Instituto, então, passou a exercer um papel de apoio ao Grupo em ações educacionais no estabelecimento de parcerias com instituições de ensino, projetos editoriais e na realização de cursos, assim como na área de pesquisa com a gestão do Comitê de Ética em Pesquisa. 

Diante de sua missão permanente de contribuir com o Grupo Fleury, adicionando valor à marca, o Instituto assumiu, em 2010, um novo papel, tendo como foco atuar como centro de estudos na área de Medicina e Saúde & Ciências Humanas por meio da promoção de debates e da geração e disseminação de conhecimento de assuntos de Ciências Humanas relacionadas à Medicina.

Esse desafio é oriundo do nosso entendimento de que a razão de ser da Medicina é o cuidado do doente e que cuidar exige compreender tanto a doença como o doente. Além disso, acreditamos que para compreender a doença há que se ter conhecimento científico. Mas, mais do que isso, estamos certos de que para compreender o doente há que se ter humanismo.

Próximo

  • Maria de Lourdes Chauffaille (Presidente)

  • Rendrik F. Franco (Diretor Científico)

  • Maria Lúcia G. Ferraz (Diretora de Educação)



Anterior
​​​​​