Densitometria de dupla energia é o melhor método para avaliar a composição corporal | Revista Médica Ed. 9 - 2004

O exame fornece as massas óssea, magra e de gordura do corpo inteiro e de segmentos.

O exame fornece as massas óssea, magra e de gordura do corpo inteiro e de segmentos.

Dentre as técnicas disponíveis para avaliar a composição corporal, a densitometria por emissão de raios X de dupla energia (DXA) é considerada o método de referência. Rápido e indolor, o exame não requer nenhum preparo especial e é realizado com baixa intensidade de exposição aos raios X. As vantagens não se restringem ao procedimento. A DXA fornece as massas óssea, magra e de gordura do corpo inteiro ou de segmentos, a exemplo do abdome, expressas em porcentagem da massa total. Esses valores são muito importantes na avaliação do estado nutricional, na averiguação da eficácia de programas de condicionamento físico e de tratamento da obesidade, na reabilitação motora de doenças neuromusculares e na abordagem de pacientes com anorexia nervosa. O exame ainda ajuda a determinar o momento de aquisição do pico de massa óssea em crianças e adolescentes, auxiliando o especialista na análise dos distúrbios do crescimento.