Aspergillus, Pesquisa Qualitativa do DNA

Outros nomes:
PCR PARA ASPERGILLUS, PCR PARA ASPERGILUS, PCR PARA ASPERGILOSE

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 15 dias corridos às 18h

Orientações necessárias

- Este exame pode ser realizado em: lavado broncoalveolar, escarro, sangue, liquor. - Aceita amostras colhidas pelo próprio médico assistente ou por hospitais. - Necessário pedido médico. - Lavado broncoalveolar - A coleta de lavado broncoalveolar é feita durante a broncoscopia e, portanto, requer agendamento prévio desse exame. -- Material enviado: mostras devem permanecer refrigeradas e ser entregues em até 24 horas após a coleta, em frasco estéril, com volume mínimo de 3 mL, acondicionada em saco plástico fechado. Não são aceitas amostras com vazamento. - Escarro -- É necessário retirar previamente no Fleury as instruções e o kit para a coleta de escarro, que deve ser feita em casa, antes do café-da-manhã, após a escovação dos dentes. -- A amostra deve ter volume mínimo de 3 mL, permanecer refrigerada e ser entregue em até 24 horas após a coleta, em frasco estéril, acondicionada em saco plástico fechado. Não são aceitas amostras com vazamento. - Liquor -- Material enviado: amostras devem permanecer refrigeradas e ser entregues em até 24 horas após a coleta, em frasco estéril, com volume mínimo de 1 mL. -- Não será aceito material acondicionado em seringa com agulha.

Processamento e adequação da amostra

1. Lavado brônquico - Não centrifugar. - Enviar mínimo de 2 mL de lavado brônquico, em frasco estéril, refrigerado. 2. Escarro: - Não centrifugar. - Enviar mínimo de 2 mL de escarro, em frasco estéril, refrigerado. NÃO congelar. 3. Sangue: - Não centrifugar - Enviar o material no próprio tubo de coleta, refrigerado. 4.Liquor - Não centrifugar - Enviar mínimo de 1 mL de liquor, em frasco estéril, refrigerado. - Estabilidade da amostra: Lavado brônquico, Liquor, Escarro: Temperatura ambiente: 48 horas Refrigerado (2º-8ºC): 7 dias Congelado (-20ºC): 30 dias Sangue: Temperatura ambiente: 48 horas Refrigerado (2º-8ºC): 7 dias Congelado (-20ºC): não aceitável

Método

Reação em Cadeia da Polimerase em tempo real (PCR em tempo real)

Valor de referência

Aspergillus ssp - Não detectado Aspergillus fumigatus - Não detectado Aspergillus terréus - Não detectado

Interpretação e comentários

Os fungos do gênero Aspergillus continuam sendo uma importante causa de infecção em paciente imunossuprimidos, em geral grave e com risco de morte. Essa população inclui, principalmente, receptores de transplante de células-tronco hematopoiéticas, mas também de transplante de órgão sólido, imunodeficiências congênitas ou adquiridas, uso prolongado de altas doses de corticosteroides, entre outros. Como se trata de fungos presentes no ambiente, o diagnóstico requer distinção entre infecção invasiva, colonização e contaminação. Para isso, são estabelecidos critérios para definição de aspergilose invasiva como possível, provável, ou comprovada. No intuito de aumentar a acurácia do diagnóstico, outros marcadores têm sido utilizados para demonstrar a presença de aspergillus em amostrasclínicas, além da pesquisa direta e da cultura específica, como a pesquisa de antígeno (galactomanana) e de ácidos nucleicos (PCR) do fungo. Embora possa aumentar a sensibilidade para a detecção de Aspergillus em amostras do trato respiratório, a utilização da PCR ainda precisa de aperfeiçoamento, sobretudo quanto à especificidade para doença invasiva, discriminando-a de colonização. Além disso, ainda não há uniformidade entre os ensaios utilizados em diversos estudos. Segundo as recomendações da IDSA (Clinical Infectious Diseases, 2016;63(4):e1-60), a técnica pode ser utilizada, considerando sua aplicabilidade de maneira individualizada, e em conjunto com outros marcadores diagnósticos. A utilidade da detecção de DNA de Aspergillus por PCR no sangue periférico (total ou soro) para o diagnóstico de aspergilose invasiva vem sendo analisada há alguns anos. Uma metanálise recente demonstrou sensibilidade de 84% e especificidade de 76%, resultados não inferiores àqueles demonstrados para a galactomanana e BD-glucana em estudos anteriores. Por outro lado, resultados positivos em duas amostras sequenciais aumentam a especificidade para 95%, o que corresponde a um valor preditivo de 90% para indivíduos de alto risco. (J Clin Microbiol. 2014 Oct; 52(10): 3731-3742.)

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822