Dihidro-Rodamina, Oxidação, teste, sangue total

Outros nomes:
DHR
DIHIDRO-RODAMINA, OXIDACAO, TESTE DE
DIIDRORRODAMINA, TESTE DA
GRANULOCITOS, METABOLISMO OXIDATIVO, TESTE
TESTE DA DIHIDRO-RODAMINA
TESTE DE METABOLISMO OXIDATIVO DE GRANULOCITOS
DIHIDRO-RODAMINA, OXIDAÇÃO, TESTE
DIIDRORRODAMINA, OXIDAÇÃO, TESTE, SANGUE TOTAL
OXIRODAMINA
TESTE DA EXPLOSÃO RESPIRATÓRIA DE NEUTRÓFILOS
TESTE DO BURST RESPIRATÓRIO DE NEUTRÓFILOS
TESTE DE FAGOCITOSE

Agendamento

Precisa Agendar

Prazo de Entrega

Em até 2 dias úteis (sem contar o sábado) às 18h

Orientações necessárias

- Este exame possui restrição de dias e horários para a coleta e para a entrega de material colhido fora do Fleury. Assim, o interessado deve consultar primeiro a Central de Atendimento ao Cliente. - Esse exame deve ser previamente agendado.

Processamento e adequação da amostra

- Receber a amostra em embalagem REF e mantê-la nesta condição até a manipulação. - Não manusear - Enviar o material à seção refrigerada (4-8ºC). - Coleta recente, a amostra deve chegar no setor no mesmo dia da coleta, no máximo até 17 horas. Obs.: Após o horário de recebimento, consultar o setor para verificar a possibilidade de realização do exame. Estabilidade da amostra: refrigerada (4-8ºC). (o material deve chegar no mesmo dia da coleta).

Método

- Estudo da capacidade de oxidação dos neutrófilos com e sem estímulo pelo PMA (phorbol myristate acetate) na presença de catalase e dihidrorodamina 123 (DHR), por citometria de fluxo.

Valor de referência

- Índice de Oxidação Neutrofílica (relação entre a fluorescência média emitida com e sem estimulação pelo PMA): > 80.

Interpretação e comentários

- O teste de oxidação da diidrorrodamina-123 (DHR-123) tem sido utilizado para o diagnóstico de portadores do gene da doença granulomatosa crônica (DGC). - Este exame substitui, com vantagens, o clássico teste do nitrobluetetrazolium (NBT). Os indivíduos com DGC apresentam um defeito no complexo enzimático NADPH oxidase, sendo incapazes de produzir superóxido e outras espécies de oxigênio reativo após estimulação dos neutrófilos. A DHR-123 é oxidada em rodamina-123 pelo H2O2 e O2 produzidos durante a ativação neutrofílica, com emissão de fluorescência mensurável por citometria de fluxo. - O resultado é obtido por meio da análise comparativa entre os histogramas das células estimuladas ou não com PMA e sua respectiva fluorescência média. - Os neutrófilos normais evidenciam índice de oxidacão neutrofílica (ION) maior que 80. Os indivíduos com DGC ligada ao cromossomo X apresentam ION menor que 10. Já as mulheres portadoras do gene da DGC ligada ao cromossomo X têm duas populações de neutrófilos, uma com ION normal e outra com ION menor que 10. Por fim, os portadores de DGC autossômica recessiva apresentam valores de ION de 3,5 a 52, havendo, portanto, informação sugestiva do genótipo da doença.

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822