Piruvato-quinase, sangue total

Outros nomes:

ANEMIAS, PIRUVATO QUINASE

HEMACIAS, PIRUVATO QUINASE

PIRUVATO QUINASE

PIRUVATO QUINASSE

Piruvato-quinase

Orientações necessárias

- É necessário trazer documento de identidade (RG).

Processamento e adequação da amostra

- Receber a amostra em embalagem REF e mantê-la nesta condição até a manipulação. - Não manusear; - Enviar no próprio tubo de coleta, protegido em saco plástico bolha; - Refrigerar 2-8 ºC. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: não aceitável; Refrigerada (2-8 ºC): 20 dias; Congelada (-20 ºC): não aceitável.

Método

Espectrofotometria cinética

Valor de referência

- Maior ou igual a 12 meses: 5,5 a 12,4 U/g hemoglobina - Não foram estabelecidos valores de referência para idade menor que 12 meses.

Interpretação e comentários

- Este exame contribui com a investigação de anemias hemolíticas. A piruvatoquinase catalisa uma das etapas da glicólise, uma reação fundamental na geração de ATP para o metabolismo do eritrócito. Dentre as deficiências enzimáticas eritrocitárias, a mais freqüente é a da piruvatoquinase, ocasionando hemólise crônica, que pode variar desde uma forma totalmente assintomática a casos de anemia severa, particularmente no período neonatal. Exacerbações agudas podem ocorrer em cirurgias, infecções e gestações. Em geral, indivíduos com essa deficiência apresentam de 5% a 25% da atividade normal, mas não há correlação estreita entre a atividade enzimática sérica e a severidade clínica.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou entre em contato com a nossa Central de Atendimento pelo Whatsapp (11) 3179-0822.

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 10x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame pelo Whatsapp (11) 3179-0822.