Protrombina e Fator V Leiden, Mutação do gene, pesquisa, sangue total

Outros nomes:
FATOR 5 LEIDEN/MUTACAO DA PROTROMBINA
FATOR II, MUTACAO G20210A DO GENE
FATOR V LEIDEN, PESQUISA POR PCR
FATOR V LEIDEN/MUTACAO DA PROTROMBINA
GENE DA PROTROMBINA, MUTACAO G20210A DO
LEIDEN FATOR V/MUTACAO DA PROTROMBINA
MUTACAO DA PROTROMBINA/FATOR V LEIDEN
MUTACAO DO FATOR V LEIDEN
MUTACAO DO GENE DA PROTROMBINA E FATOR V LEIDEN
MUTACAO G20210A DO GENE DA PROTROMBINA
MUTACAO G20210A DO GENE DO FATOR II
MUTACAO Q506 DO FATOR V LEIDEN
PROTROMBINA, MUTACAO G20210A DO GENE
PROTROMBINA E FATOR V LEIDEN, MUTAÇÃO DO GENE, PESQUISA
MUTAÇÃO G1691A DO FATOR V LEIDEN
PESQUISA DE MUTACAO FATOR V E FATOR II
MUTACAO DO FATOR 5 E DO FATOR 2
FATOR 5, MUTACAO
FATOR 2, MUTACAO
MUTAÇÃO R506Q DO FATOR V LEIDEN

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 3 dias úteis (incluindo sábados) às 22h

Processamento e adequação da amostra

- Receber a amostra em embalagem REF e mantê-la nesta condição até a manipulação. - Nâo manusear - Enviar à seção, refrigerado. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: não aceitável; Refrigerada (2-8 ºC): 48 horas; Congelada (-20 ºC): não aceitável.

Método

- Reação em cadeia da polimerase (PCR) em tempo real

Valor de referência

- Ausências de mutações.

Interpretação e comentários

- Estes testes permitem a detecção de duas mutações genéticas associadas ao aumento de risco para eventos trombóticos: o fator V Leiden e a mutação 20210 G>A do gene da protrombina. - O fator V de Leiden é o fator de risco geneticamente determinado mais comum para trombose venosa, sendo encontrado em cerca de 15% a 30% dos pacientes com trombose venosa profunda. Aparentemente, essa anormalidade não predispõe à ocorrência de trombose arterial, apenas venosa, com um risco relativo, em heterozigotos, da ordem de cinco vezes. O fator V de Leiden é caracterizado pela substituição do aminoácido arginina por glutamina na posição 506 e determina uma alteração no plasma desses indivíduos, conhecida como resistência à proteína C ativada (RPCA). A quase totalidade das pessoas com RPCA possui a mutação do fator V de Leiden, embora tenham sido descritos pacientes com RPCA e ausência dessa alteração genética. Recentemente, outra mutação do gene do fator V foi descrita, o fator V Cambridge, o qual pode explicar uma parcela desses casos com RPCA sem o fator V de Leiden. - Estudos populacionais que incluíram a população brasileira revelaram a presença do fator V de Leiden em cerca de 5% dos indivíduos de origem caucasóide e a ausência da mutação em negros e asiáticos. - A mutação G20210A do gene da protrombina, por sua vez, está associada à trombose venosa e arterial. O mecanismo que favorece a ocorrência de tromboses parece estar associado à elevação dos níveis da protrombina, determinada por uma maior estabilidade de seu RNAm. - Essa alteração genética está presente em cerca de 1% a 3% da população geral caucasóide e, assim como descrito para o fator V de Leiden, não ocorre nas populações negra e asiática. - O diagnóstico laboratorial da mutação 20210 G>A se dá somente por meio da análise do DNA. Não é possível a investigação pelos níveis de protrombina, uma vez que há grande sobreposição entre as concentrações normais e as dos portadores da alteração. - Usualmente, a pesquisa do fator V de Leiden e da mutação 20210G>A faz parte de um conjunto de exames para a investigação de trombofilia que inclui adicionalmente a dosagem de homocisteína, a dosagem funcional de antitrombina, a dosagem funcional de proteína C, a dosagem imunológica de proteína S livre e a pesquisa de anticorpos antifosfolípide (anticoagulante lúpico e anticorpos anticardiolipina).

Orientações necessárias

- Este exame não necessita de preparo.

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822