Manual de exames

Vacina, contra Meningococo A, C, Y e W135 conjugada

Outros nomes: Vacina tetravalente para meningite, Quadrivalente para meningite, Vacina quadrivalente para meningite, Nimenrix, Vacina Nimenrix, ACWY-TT, Vacina contra Meningococo A, C, W e Y, Vacina contra Meningococo quadrivalente, Vacina contra Meningococo ACWY, Vacina MenACWY-TT (Nimenrix®), Vacina MenACWY-CRM197 (Menveo®), Vacina meningocócica ACWY conjugada, Vacina meningocócica ACWY, Vacina meningocócica conjugada quadrivalente, Vacina meningocócica conjugada tetravalente

Este exame não precisa ser agendado

Orientações necessárias

Indicação de uso: Imunização ativa de indivíduos contra doença meningocócica invasiva causada pela bactéria Neisseria meningitidis dos sorogrupos A, C, W e Y.

Faixas etárias de indicação:
-- Nimenrix (MenACWY-TT; Pfizer): crianças a partir de 6 semanas de vida, adolescentes e adultos (sem limite máximo de idade).
-- Menveo (MenACWY-CRM; GSK): crianças a partir de 2 meses de vida, adolescentes e adultos (sem limite máximo de idade).
-- MenQuadfi (MenACWY-TT; Sanofi): vacina de escolha no Fleury para crianças a partir de 12 meses de idade (incluindo reforço), adolescentes e adultos (sem limite máximo de idade).

Restrições:
-- Vigência de quadro febril e/ou infeccioso - neste caso, recomenda-se apenas adiar a vacina, já que não se trata de uma contraindicação absoluta;
-- Hipersensibilidade ou anafilaxia a componentes da vacina (incluindo toxóide tetânico) ou dose anterior desta mesma vacina.
-- Em caso de questionamento sobre APLICAÇÃO SIMULTÂNEA informar que as vacinas podem ser aplicadas no mesmo dia, porém uma de cada vez. Ou seja, não oferecemos o serviço de aplicação de duas vacinas ao mesmo tempo.

Gestação: Não há dados do uso das vacinas meningocócicas em mulheres grávidas, portanto, como medida de precaução é preferível evitar o seu uso durante a gravidez. Recomenda-se postergar a vacinação para o período pós-parto, entretanto ela pode ser indicada em gestantes com situações de risco aumentado para doença meningocócica invasiva, mediante pedido médico.

Lactação: Não há contraindicações.

ATENÇÃO: o preço da vacina se refere sempre a uma dose unitária.

Locais e horários de aplicação - A aplicação da vacina é realizada após entrevista médica nas Unidades:
-- Alphaville: de segunda a sexta, das 07:00 às 17:30; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Anália Franco II: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Atendimento Móvel: de segunda a sábado, mediante agendamento prévio, conforme disponibilidade da agenda; Domingos: serviço fechado.
-- Braz Leme: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Campo Belo: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Itaim: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; domingo fechado
-- Morumbi: de segunda a sábado, das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- República do Líbano I: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:30; aos domingos das 07:00 às 12:00.
-- Paraiso: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 18:00; aos domingos das 07:00 às 12:00.
-- Rochaverá: de segunda a sábado, das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
--Santo André II: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; domingo fechado
-- Villa Lobos: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.

ATENÇÃO: a carteira de vacinação é OBRIGATÓRIA para menores de 12 anos.

Atendimento móvel
Quando a aplicação da vacina for através do Atendimento Móvel:
-- Favor digitalizar a carteirinha de vacinação e/ou pedido médico e encaminhar o arquivo para o e-mail Pedido Móvel ([email protected]) - o título do e-mail deve conter o nome completo do cliente.
-- É necessário, para a realização da vacina, uma entrevista médica a ser realizada pelo telefone no período de 24-48hs uteis antes da data do agendamento.

Interpretação e comentários

- A vacina conjugada para o meningococo A, C, Y e W135, previne a doença causada por esses sorogrupos. Por ser conjugada, (com toxóide tetânico ou CRM 197 do Corynebacterium diphteriae) induz excelente memória imunológica, responsável pela proteção de longa duração.
- Nos Estados Unidos ela tem sido especialmente recomendada para adolescentes e adultos jovens que viajam para países de alta endemicidade, estudantes que viverão em dormitórios conjuntos, militares, além das recomendações específicas para imunossuprimidos e esplenectomizados.

- Indivíduos em exposição domiciliar à doença meningocócica têm de 500 a 800 vezes mais probabilidade de adquirir a infecção (há quatro casos em cada mil pessoas expostas), devendo ser vacinados o mais precocemente possível. O ideal é que a imunização seja feita dentro das primeiras 24 horas após a confirmação do caso-índice para os seguintes grupos: contatos domiciliares ou em creches, exposição a secreções orais do doente, contatos por beijo e por respiração boca-a-boca e intubação endotraqueal. Convém lembrar da importância da quimioprofilaxia com rifampicina, ciprofloxacina ou ceftriaxone para esses casos, recomendada até 14 dias da exposição.

Doses e intervalos

Esquema de vacinação habitual: O esquema vacinal deve ser sempre individualizado para cada paciente, uma vez que o número de doses do esquema dependerá da vacina escolhida e da idade do início da vacinação. Em todas as situações, para crianças e adolescentes, após o esquema primário completo, SBP e SBIm recomendam reforços com intervalos de cinco anos entre eles, oferecendo proteção até o final da adolescência.

-- Rotina: esquema primário com duas doses aos 3 e 5 meses de idade, com intervalo de 60 dias entre as doses (mínimo de 30 dias).
-- Reforço: entre 12 e 15 meses (respeitar um intervalo mínimo de pelo menos 2 meses após a conclusão do esquema primário). Uma vez que a proteção diminui com o tempo, recomenda-se doses de reforço a cada 5 anos (entre 5 e 6 anos e entre 11 e 16 anos de idade), oferecendo assim proteção durante as idades de maior risco de colonização pelo meningococo e de doença meningocócica.

ATENÇÃO: MenQuadfi está licenciada somente para maiores de 1 ano de idade e, na ausência de especificação de um produto pelo médico solicitante, é a vacina de escolha no Fleury para crianças a partir de 12 meses de idade (incluindo reforço), adolescentes e adultos (sem limite máximo de idade).

Intercambialidade: sempre que possível, a mesma vacina meningocócica deve ser usada para completar uma série vacinal. Se o produto usado para as doses recebidas anteriormente não for conhecido ou não estiver disponível, qualquer uma das vacinas quadrivalentes autorizadas para uso pode ser usada para completar a série vacinal. ACIP/CDC recomenda que os profissionais de saúde aproveitem todas as oportunidades para fornecer uma vacina quando indicada, independentemente se a marca usada na(s) dose(s) anterior(es) estiver disponível ou for desconhecida.

Observação: não há estudos de intercambialidade entre as vacinas MenC e menACWY. Portanto, quando o esquema primário é iniciado com MenC e há solicitação para mudar para MenACWY, deve-se aplicar a doses de menACWY de acordo com a recomendação da bula, ou seja, reiniciar o esquema vacinal com a MenACWY de acordo com a idade do paciente.

Efeitos adversos

Reações locais: dor, vermelhidão, inchaço.

Reações sistêmicas: dor de cabeça, mialgia, tontura, sonolência, febre, mal estar e perda de apetite.

Advertências e precauções gerais:
-- Indivíduos que sofrem de doença leve, como um resfriado ou gastroenterite, podem ser vacinados normalmente e não deve resultar no adiamento da vacinação. Entretanto, a ocorrência de febre geralmente resulta no adiamento da vacinação por 48-72h após cessação do quadro febril - trata-se de uma precaução com o intuito de não se atribuir as manifestações da doença à vacina. A presença de enfermidade aguda moderada ou grave (com ou sem febre) geralmente contraindica vacinação até que ocorra melhora clínica.
-- Como regra geral não é recomendado tomar medicamentos antipiréticos ou analgésicos profilaticamente antes da vacinação; no entanto, estes medicamentos podem ser utilizados para o tratamento de sintomas locais ou sistêmicos pós-vacina, sempre que necessário.
-- Assim como outras vacinas de administração intramuscular, deve ser aplicado com cautela em indivíduos com trombocitopenia ou qualquer distúrbio de coagulação, nos quais há risco de sangramento após injeção intramuscular.
-- Reações relacionadas ao estresse, incluindo reações vasovagais (síncope), hiperventilação ou reações relacionadas ao estresse podem ocorrer em associação à vacinação como uma resposta psicogênica à injeção com agulha – particularmente em adolescentes e adultos jovens.

Composição

a) Vacina Pfizer (Nimenrix®): Conjugado do polissacarídeo do meningococo do grupo A, C, W135 e Y com o toxóide tetânico.
Hidróxido de alumínio (adjuvante).
b) Vacina GSK (Menveo®): Conjugado do polissacarídeo do meningococo do grupo A, C, W135 e Y com o CRM 197 do Corynebacterium diphteriae.
Hidróxido de alumínio (adjuvante).
c) Vacina Sanofi (Menactra®): Conjugado do polissacarídeo do meningococo do grupo A, C, W135 e Y com o toxóide diftérico. Não contém adjuvante.

Convênio e cobertura

Consulte nossa página de Convênios para mais informações

Particular e valores

Não tem convênio? Fale com a gente e consulte as condições especiais de pagamento particular.

Faça em casa

Agora, você pode fazer exames de sangue, urina e fezes em casa, no trabalho ou onde preferir. Consulte as regiões de cobertura