Vírus Chikungunya, Anticorpos IgG e IgM, soro

Outros nomes:
SOROLOGIA PARA CHIKUNGUNYA
PESQUISA DE ANTICORPOS PARA CHIKUNGUNYA
PESQUISA DE ANTICORPOS ANTI-CHIKUNGUNYA
SOROLOGIA PARA CHIKV
PESQUISA DE ANTICORPOS PARA CHIKV

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 15 dias corridos às 18h

Orientações necessárias

- Este exame não necessita de preparo.

Processamento e adequação da amostra

- Aguardar 30 minutos - Centrifugar a 2200 g por 10 minutos a 18 ºC - Fazer duas alíquotas de 1 mL de soro em tubos secos de alíquota padrão (vacuette). - Enviar as duas alíquotas refrigeradas ao setor IMU. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: 7 dias; Refrigerada (2-8 ºC): 14 dias; Congelada (-20 ºC): 1 mês.

Método

Ensaio imunoenzimático.

Valor de referência

Não reagente.

Interpretação e comentários

A Febre do Chikungunya é uma doença causada por um vírus do gênero Alphavirus transmitida por mosquitos do gênero Aedes, sendo A. aegypti e A. albopictus os principais vetores. A doença era restrita a países da África e Ásia até 2013, quando foram registrados casos autóctones na América Central. No Brasil, os primeiros casos em pessoas sem histórico de viagem internacional ocorreram em agosto de 2014, no Estado do Amapá, e a seguir na Bahia. A infecção pelo vírus Chinkungunya (CHIKV) provoca febre alta, dor de cabeça, dores articulares e dores musculares. O período médio de incubação da doença é de três a sete dias (podendo variar de 1 a 12 dias). Na fase aguda, os sintomas aparecem de forma brusca e compreendem febre alta, cefaleia, mialgia e artralgia (predominantemente nas extremidades e nas grandes articulações). Também é frequente a ocorrência de exantema maculopapular. Os sintomas costumam persistir por 7 a 10 dias, mas a dor nas articulações pode durar meses ou anos e, em certos casos, converter-se em uma dor crônica incapacitante para algumas pessoas. A confirmação dos casos suspeitos é feita por detecção do RNA do vírus em soro ou plasma por PCR, ou por meio de sorologia com presença de IgM anti-CHIKV. A fase aguda é caracterizada por carga viral alta, que atinge seu pico cerca de 5 dias após o início dos sintomas, decaindo lentamente a seguir. Os anticorpos começam a ser produzidos por volta de 7 dias após o início da febre. Assim, a PCR tem alta sensibilidade desde o início da sintomatologia até por volta do décimo dia. A partir desse momento, recomenda-se a utilização de testes sorológicos para o diagnóstico, embora a PCR possa ser também positiva na fase crônica, durante períodos de reagudização.

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822