Palavra do especialista: esteatose hepática | Revista Fleury Ed. 25

O álcool é uma das causas mais frequentes de esteatose. Consumo de álcool acima de 30 gramas por dia (equivalente a duas latas de cerveja, uma taça de vinho ou uma dose de destilado) já pode causar o distúrbio em alguns grupos de pacientes.

Patrícia Costa de Oliveira, gastroenterologista do Check-Up do Fleury Medicina e Saúde

Fleury: O que é esteatose hepática?
Patrícia Oliveira: É o excesso de gordura, geralmente na forma de triglicérides, que se acumula no interior das células do fígado.

Fleury: O que pode causar esse tipo de distúrbio? É hereditário?
P.O.: Não, o distúrbio é causado, na maioria das vezes, por anormalidades metabólicas como diabetes ou glicose elevada, aumento dos triglicérides, obesidade, sedentarismo e ingestão excessiva de álcool. Outras doenças também podem estar associadas, como hepatite C e outras formas raras de doença hepática, como a esteatose aguda da gravidez.

Fleury: É possível diagnosticar a doença em exames de rotina?
P.O.: Sim, por meio de ultrassonografia abdominal.  Graus mais leves de esteatose, no entanto, são diagnosticados apenas com biópsia hepática.

Fleury: Quem tem mais probabilidade de desenvolvê-la?
P.O.: Ambos os sexos podem ser igualmente afetados. As mulheres são mais suscetíveis à esteatose causada pelo álcool.

Fleury: Há cura para a doença?
P.O.: Sim, o tratamento visa preferencialmente a eliminar as causas da esteatose. Com isso, a maioria dos pacientes observará o desaparecimento da doença.

Fleury: Quem consome álcool em excesso tem mais chances de desenvolver esteatose hepática?
P.O.: O álcool é uma das causas mais frequentes de esteatose. Consumo de álcool acima de 30 gramas por dia (equivalente a duas latas de cerveja, uma taça de vinho ou uma dose de destilado) já pode causar o distúrbio em alguns grupos de pacientes. Mas isso também depende de outros fatores, como etnia, sexo, genética e doenças concomitantes.

Outras Notícias

Relatório Anual de Sustentabilidade 2019

Acesse o Relatório Anual de Sustentabilidade 2019 do Grupo Fleury, baseado nas diretrizes da Global Reporting Initiative (GRI) em sua versão Standard, opção Essencial, e em linha com as orientações do Relato Integrado (IR).

Semana Mundial de Conscientização Sobre Alergias

A Organização Mundial de Alergia (World Allergy Organization/WAO) realiza anualmente, juntamente com as diversas sociedades de alergia no mundo, uma semana para a conscientização sobre as doenças alérgicas e suas alterações. A partir de hoje e até o dia 4 de julho traremos informações sobre uma alergia diferente.

Checkpoints para o seu tratamento infusional: O passo a passo para alcançar mais qualidade de vida.

Qualidade de vida é uma das maiores aspirações do ser humano, expectativa que parece distante para quem sofre de doenças crônicas e incapacitantes. Mas, com o avanço das pesquisas e dos novos medicamentos da terapia infusional, é possível um cotidiano mais confortável e com maior autonomia. Para você iniciar seu tratamento com mais tranquilidade e saber quais resultados esperar, trouxemos algumas respostas para ajudá-lo.

Grupo Fleury participa do processo de testes para vacina contra a COVID-19

Grupo Fleury realizará testes para 2 mil candidatos selecionados pela Unifesp para estudo sobre a vacina contra a COVID-19 desenvolvida pela Universidade de Oxford. Em estudo conduzido pela Escola Paulista de Medicina, da Unifesp, Grupo fará exames do tipo sorológico durante triagem de participantes de experimento. Vacina está sendo testada em 50 mil pessoas em vários lugares do mundo. IMPORTANTE: Os 2000 candidatos para o estudo da vacina serão selecionados exclusivamente pela Unifesp. Nossa central de atendimento não recebe candidaturas.