Saúde completa | Revista Fleury Ed. 16

Ao aderir aos benefícios de saúde que a companhia lhe oferece, você pode ganhar muito mais do que imagina. Entenda por quê.


Adotar uma alimentação rica em frutas, verduras, cereais integrais e grãos, hidratar-se constantemente com água e sucos naturais, praticar atividade física regularmente e tentar ao máximo controlar o estresse são atitudes que proporcionam mais disposição e qualidade de vida, prevenindo uma série de doenças crônicas e beneficiando todos os sistemas do organismo, como o digestivo, o circulatório, o respiratório e o osteomuscular. Levar um estilo de vida saudável e equilibrado auxilia também a prevenção de dois problemas frequentes em homens e mulheres, mas pouco falados fora dos consultórios médicos: hemorróidas e fissuras anais. A ocorrência dessas duas doenças, que atualmente são tratadas de maneira mais eficaz, pode ser prevenida, em muitos casos, com a manutenção de uma rotina alimentar saudável e com um maior controle dos níveis de estresse.

Para entender o porquê dessa relação, é necessário primeiro saber que hemorroidas são veias ao redor e dentro do ânus que se dilatam e ficam tortuosas. As fissuras anais são úlceras no canal do ânus. Ambas podem ser provocadas por traumas gerados pela passagem das fezes ressecadas. “A causa mais frequente das hemorróidas é a constipação intestinal, condição que impõe à pessoa um grande esforço evacuatório associado ou não a fezes endurecidas. Após longo período nessa situação, ocorrem dilatações nas veias anais (hemorroidas) ou lesões ulceradas nessa região (fissuras)”, informa o médico Sanzio Santos Amaral, proctologista do Fleury.

Ele faz recomendações simples e que podem ser adotadas por qualquer pessoa para evitar essa situação. “Para ter um trânsito intestinal saudável, devemos ingerir de 20 g a 30 g de fibras e cerca de 2 litros de água todos os dias”, ressalta. Para isso, a alimentação deve ser rica em folhas, frutas, cereais integrais e grãos.

Atividade física regular também contribui para um trânsito intestinal saudável. Segundo Amaral, pesquisas científicas comprovaram que quem se exercita regularmente tem melhor funcionamento intestinal, em comparação aos que não fazem exercícios. Isso acontece porque a atividade física ajuda o organismo a liberar algumas substâncias que também atuam estimulando o intestino.

Não menos importante é o controle do estresse. “Não existe uma relação direta entre estresse e hemorroidas, mas o estresse está relacionado à síndrome do intestino irritável. Essa condição tem como um dos seus sintomas a constipação intestinal e ocorre bastante em adultos habitantes das grandes cidades. Eles trabalham muito e têm pouco tempo para relaxar e cuidar da alimentação”, explica o proctologista. O estresse está associado ainda ao aumento da pressão arterial, e, para quem tem predisposição à doença ou já sofre com ela, esse pode ser um fator desencadeante ou agravante.

No entanto, há ainda outros dois fatores que podem estar relacionados ao aparecimento das hemorroidas: algumas malformações congênitas, que levam à dilatação das veias anais, e as predisposições familiares, de caráter hereditário, devido às quais as hemorroidas podem surgir com o passar dos anos. Mesmo nesses casos, os tratamentos prescritos pelos médicos fazem com que a pessoa tenha uma vida normal. Para casos mais graves, é indicada a cirurgia, que pode ser feita em hospital-dia, e o paciente pode voltar para casa algumas horas depois. “O procedimento cirúrgico costuma ser indicado quando houver sangramento expressivo ou falha no tratamento clínico”, explica a ginecologista Maria Cristina Meniconi, do Fleury.

Já que esses problemas podem ser prevenidos e tratados, não existe motivo para vergonha ou sofrimento. Quando começar a sentir dor na hora de evacuar ou aparecer algum sangramento, procure um médico. Somente ele poderá detectar o motivo desses sintomas, por meio de exame da região anal e da anuscopia, e então prescrever o tratamento mais eficiente para cada caso.

Outras Notícias

Hereditariedade das condições clínicas tratadas por infusões. É possível saber se meu filho também será acometido?

Ao receber o diagnóstico de uma doença grave, os pais sempre ficam aflitos para saber se ela é hereditária e qual a probabilidade de afetar os seus filhos. Para entender melhor essa questão, é preciso definir quais são as doenças tratadas por infusões que podem ser hereditárias.

Campanha Cuide com Todo Coração

Ele está com você desde o primeiro instante. Acompanhando a sua trajetória pelas batidas. Pulsando a cada nova etapa, conquista, sensação. E agora, mais do que nunca, você deve entendê-lo. Prevenindo-se para que o amanhã seja sempre melhor. Por isso vamos falar desse órgão tão importante nos próximos dias, para que você aprenda ou continue a cuidar dele com todo o seu coração.

Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais

As hepatites virais são um problema mundial para a saúde pública. Embora possam ser causadas por diferentes vírus, elas apresentam sintomas similares, dificultando seu diagnóstico sem o uso de exames específicos. A seguir você vai conhecer mais sobre essas afecções.

COVID-19: Grupo Fleury participa de estudo brasileiro inédito publicado na Revista Science

O Grupo Fleury forneceu amostras analisadas em pesquisa conjunta com USP, Universidade de Oxford e outras instituições; resultados apontam a disseminação a partir de três cepas diferentes do novo coronavírus (SARS-CoV -2) e que vírus foi levado de avião para outras regiões do país.