Uma cidade para todos | Revista Fleury Ed. 35

Um dos fundadores da Escola da Cidade, no coração da capital paulista, Rafic Farah é arquiteto, designer gráfico e de mobiliário e fotógrafo, com uma história de mais de 30 anos na profissão.

Um dos fundadores da Escola da Cidade, no coração da capital paulista, Rafic Farah é arquiteto, designer gráfico e de mobiliário e fotógrafo, com uma história de mais de 30 anos na profissão. Preocupado com questões como morar bem e com a qualidade de vida urbana, ele fala sobre as transformações das metrópole e os desafios da criação.

Uma Cidade Para Todos
São Paulo, um sonho feliz de cidade
""O ambiente urbano é o melhor lugar para se viver, para compartilhar, ele é esse local onde todos se encontram. São Paulo já foi muito parecida com Buenos Aires. Tínhamos bulevares, palácios muito bem-construídos que eram marcos que os cidadãos conseguiam identificar. A antiga câmara dos vereadores no Anhangabaú era um conjunto de palácios, que foi demolido. Buenos Aires preservou essas edificações. Aqui, a especulação imobiliária é que vem governando e transformando São Paulo na cidade difícil que ela é. O último plano para São Paulo foi o do Prestes Maia, que enterrou todos os rios.

Uma transformação real em São Paulo seria a cidade ter um desenho democrático. A organização urbanística pode contribuir muito para mudar nossos medos e preconceitos.”
Uma Cidade para todos
O carnaval, as ruas ocupadas
“O Carnaval de rua de São Paulo este ano contribuiu muito para democratizar os espaços urbanos, assim como a Virada Cultural. Nessas ocasiões, você vê uma mistura. O povo conhece a si mesmo e se apropria das ruas. Nesse momento, ele percebe as carências da cidade: não tem banco, não tem banheiro público, as calçadas são ruins. As pessoas vão percebendo isso e exigindo do poder público que transforme a cidade em um lugar afável, amigo, hospitaleiro. É quando as pessoas tomam conta das ruas que a violência diminui. As classes sociais que estão no topo da pirâmide também vão ficar mais seguras e viver numa cidade melhor se ela for mais misturada e democrática.”

Uma Cidade para todosEducação para um novo olhar
“A gente precisa criar uma educação em moldes brasileiros. Precisamos de uma escola onde você aprenda o que é o país, a nossa origem africana, a nossa origem indígena. A gente tinha que estudar as nações africanas que vieram para o Brasil. A gente tinha que estudar como pensam os índios, a complexidade da cultura indígena. De onde vem a nossa água – São Paulo tem centenas de ribeirões e rios soterrados. Tem nascentes enterradas para todo lado, todas contaminadas. A gente precisa de uma educação para essa mudança de olhar. Para que não haja mais a violência que é a segregação. Você tem que realmente se dispor a olhar o outro.”

Uma Cidade para todos
Criar é transcender
“Criação é a transcendência de problemas. A criação pode levar você para um lugar onde os problemas sejam dissolvidos. Então você não resolve um problema: você o transcende e vai para outro lugar. Eu dou um exemplo. Você tem uma área da cidade em que mora muita gente e inunda, as margens do rio Pinheiros. Em vez de canalizar o rio e levantar as margens para que ele não inunde mais, é melhor você fazer um parque linear ao longo do rio inteiro que inunde uma parte do ano – contanto que tenha água limpa. E, nas margens desse rio, você pode colocar desde mansões que dão vista para o parque, como é no Ibirapuera, até conjuntos residenciais de classe média. Você não está resolvendo o problema da enchente. Você está usando a enchente a seu favor. É uma maneira de transcender um problema.”

Uma Cidade para todos Morar bem é...
“... ter um recanto que garanta um sono seguro e tranquilo. É ter luz, ar e espaço para a mente. Veja, eu dependo muito dos olhos. Eu preciso de espaço e essa é uma peculiaridade minha. Os japoneses trabalham em cubículos e fazem obras espaciais incríveis.
Uma Cidade para todos
O que eu não gosto é de morar enclausurado. Não ter sol. Não ter área diante da minha casa para as crianças brincarem.""  



Uma cidade para todos

Rafic Farah é um dos fundadores da Escola da Cidade, tem projetos internacionalmente premiados e publicou o livro síntese de sua obra, Como vi: o design de Rafic Farah

Outras Notícias

Cuidado Integrado para Empresas

Empresa mais tradicional de diagnósticos do mercado brasileiro, Grupo Fleury cria serviço de consultoria que auxiliará companhias na retomada de atividades com soluções que envolvem etapa de testagem diagnóstica de colaboradores, consultoria médica para definição de protocolos de segurança de saúde e coordenação de cuidados com aplicação de telemedicina e prontuário eletrônico

Segunda Opinião Gratuita - Grupo Fleury

Conheça o projeto gratuito de cooperação para segunda opinião da equipe de médicos especialistas em laudos de tomografia e radiografias de tórax do Grupo Fleury.

Vacine-se contra a gripe no Fleury

O Fleury disponibiliza a vacina quadrivalente contra a gripe, uma vacina inativada que protege contra quatro diferentes vírus influenza.

Mitos e verdades no tratamento por infusão

Dúvidas nunca faltam quando você começa um novo tratamento. Como em todas as situações novas, por vezes você se sente inseguro e busca informações na internet ou troca ideias com pessoas próximas, para entender melhor o que enfrentará. O mesmo ocorre com o tratamento por infusão, cuja recomendação médica vem se tornando mais frequente a cada dia; pois, resultado de pesquisas científicas comprovam, cada vez mais, os benefícios da terapia biológica no controle dos sintomas, em doenças crônicas autoimunes.