Vida saudável no campo | Revista Fleury Ed. 25

Crianças que moram em áreas urbanas têm mais riscos de desenvolver alergia alimentar do que aquelas que vivem em zonas rurais.

Crianças que moram em áreas urbanas têm mais riscos de desenvolver alergia alimentar do que aquelas que vivem em zonas rurais. É o que indica um estudo publicado no periódico Clinical Pediatrics, que analisou dados de 38.465 jovens com menos de 18 anos e mostrou que 9,8% das crianças que moram nas cidades têm alergia alimentar, frente a 6,2% das que vivem em áreas rurais. Alergias a amendoim são duas vezes mais comuns em centros urbanos e os pequenos que moram nas cidades também têm mais do que o dobro de ocorrência de alergia a crustáceos. Uma das hipóteses para explicar os resultados da pesquisa é que a exposição a certas bactérias associadas à vida no campo logo nos primeiros anos de vida protege as crianças contra a hipersensibilidade hereditária a alguns alérgenos. Outra tese indica que a alta concentração de poluentes nas áreas urbanas pode desencadear o desenvolvimento de alergias.

Outras Notícias

Aleitamento Materno – Agosto Dourado

A amamentação é uma das melhores estratégias para salvar vidas infantis e melhorar a saúde e o desenvolvimento econômico e social dos indivíduos e das nações. Vale ressaltar que o profissional de saúde deve sempre informar sobre a importância da amamentação e apoiar a resolução materna. O suporte à mulher que amamenta é fundamental para a manutenção do aleitamento materno.

Webmeeting Centro de Infusões

Doença inflamatória intestinal e Covid-19: implicações em pacientes adultos e pediátricos

Hereditariedade das condições clínicas tratadas por infusões. É possível saber se meu filho também será acometido?

Ao receber o diagnóstico de uma doença grave, os pais sempre ficam aflitos para saber se ela é hereditária e qual a probabilidade de afetar os seus filhos. Para entender melhor essa questão, é preciso definir quais são as doenças tratadas por infusões que podem ser hereditárias.

Campanha Cuide com Todo Coração

Ele está com você desde o primeiro instante. Acompanhando a sua trajetória pelas batidas. Pulsando a cada nova etapa, conquista, sensação. E agora, mais do que nunca, você deve entendê-lo. Prevenindo-se para que o amanhã seja sempre melhor. Por isso vamos falar desse órgão tão importante nos próximos dias, para que você aprenda ou continue a cuidar dele com todo o seu coração.