Belimumab BENLYSTA, somente aplicação, subcutâneo

Orientações necessárias

I - Informações sobre a administração do medicamento - O medicamento Belimumabe deve ser administrado por via subcutânea em adultos, acima dos 18 anos de idade. II - Critérios de realização - A administração dessa medicação pode ser realizada somente com prescrição médica. - Manter a medicação conforme condições de armazenamento exigidas pelo fabricante. - Não é necessário jejum, porém orienta-se não ingerir grandes refeições antes da infusão da medicação. - A administração do Belimumabe será realizada somente após entrevista médica. No dia anterior ao agendamento, um médico do Fleury entrará em contato, via telefone, com o paciente para fazer uma entrevista, com o intuito de avaliar as condições clínicas do paciente. Esta etapa é fundamental para a confirmação da aplicação do romosozumabe, no dia seguinte.

Interpretação e comentários

I - Informações sobre o belimumabe - O belimumabe é um anticorpo monoclonal, da classe IgG1?, totalmente humano, que se liga especificamente ao BLyS solúvel humano e inibe sua atividade biológica. O belimumabe não se liga às células B, mas, pela ligação ao BLyS, inibe a sobrevida das células B, incluindo as autorreativas, e reduz sua diferenciação em plasmócitos (células que produzem imunoglobulina). O BLyS (estimulador de linfócitos B) e também conhecido como BAFF, é uma citocina da superfamília do TNF (fator de necrose tumoral) que inibe a apoptose das células B e estimula a diferenciação dessas células em plasmócitos. Pacientes com lúpus eritematoso sistêmico (LES) apresentam altos níveis circulantes de BLyS e estes têm forte associação com atividade de doença. II - Indicações do belimumabe - O belimumabe é indicado como terapia adjuvante para o tratamento de pacientes adultos com LES que apresentam atividade de doença, apesar de receberem tratamento padrão com corticosteroides, antimaláricos e imunossupressores. A segurança e a eficácia do belimumabe SC não foram avaliadas em pacientes menores de 17 anos de idade e, portanto, seu uso em crianças e adolescentes não é recomendado. ? ? ? ? ?

Doses e intervalos

a princípio, será seguida a prescrição médica; caso haja alguma discrepância evidente em relação às doses abaixo preconizadas, o médico do atendimento deve ser alertado): - A dose do belimumabe SC é de 200 mg uma vez por semana, com aplicação de injeção subcutânea no abdômen ou coxa.

Efeitos adversos

Reação de hipersensibilidade” é observada entre 1/10 e /100 infusões de belimumabe, sendo classificada como evento adverso comum. Ela se manifestar como hipotensão, angioedema, urticária e outras erupções cutâneas, prurido e dispneia. “Reação relacionada à infusão” é mais rara e pode se manifestar por sintomas tais bradicardia, mialgia, dor de cabeça, erupção cutânea, urticária, febre, hipotensão, hipertensão, tonturas e artralgias. Devido à sobreposição de sinais e sintomas, muitas vezes não é possível distinguir entre as reações de hipersensibilidade e as reações à infusão.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou entre em contato com a nossa Central de Atendimento pelo Whatsapp (11) 3179-0822.

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 10x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame pelo Whatsapp (11) 3179-0822.