Cortisol, livre, urina

Outros nomes:

CUSHING,SINDROME, CORT LIVRE URINA POR COMPETICAO

Cortisol livre na urina

Cortisol livre, por ensaio de competição na urina

Cortisona livre na urina

CORTISOL NA URINA

Orientações necessárias

I - Material - Esse exame é realizado em urina colhida durante 24 horas. - Para mulheres, o ideal é não fazer a coleta durante a menstruação. - O cliente precisa retirar, no Fleury, os frascos com conservador adequado e as instruções correspondentes. II - Prazo para a entrega do material - O material deve ser entregue no Fleury até 48 horas após o término da coleta.

Processamento e adequação da amostra

- Homogeneizar e medir o volume - Medir o pH - Aliquotar 4 mL de urina em um tubo plástico estéril com capacidade para 4 mL - Anotar volume total, na ficha do cliente e no sistema de gerenciamento de amostra - Enviar à seção refrigerado. ATENÇÃO - para crianças de 0 a 5 anos, quando solicitado pela Enfermagem, retirar do frasco 50% do conservante, alterando a quantidade constante no rótulo. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: 6 horas; Refrigerada (2-8ºC): 2 dias; Congelada (-20ºC): 2 anos.

Método

- Dosagem por espectrometria de massa em tandem após cromatografia líquida ( LC-MS/MS).

Valor de referência

- Cortisol livre urinário: Masculino: 4,2 a 60,0 microg/24h Feminino: 3,0 a 43,0 microg/24h - Cortisona livre urinária: Masculino: 17 a 141 microg/24h Feminino: 15 a 122 microg/24h Relação cortisol/cortisona: 0,11 a 0,67

Interpretação e comentários

A determinação do cortisol livre na urina é útil na avaliação das condições de hipo e, principalmente, hiperfunção adrenal (síndrome de Cushing). Muitos centros utilizam este exame como o primeiro teste de triagem para a síndrome de Cushing, devido à sua alta sensibilidade e também à sua elevada especificidade, comparáveis às do teste rápido de supressão com dexametasona e dosagens séricas. A determinação, no entanto, deve ser feita após a purificação da amostra, uma vez que dosagens diretas sofrem problemas de interferência, gerando valores falsamente elevados. A dosagem concomitante de cortisona livre urinária permite o estudo da atividade da enzima 11b-HSD2 e a pesquisa da síndrome do excesso aparente de mineralocorticoides.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou entre em contato com a nossa Central de Atendimento pelo Whatsapp (11) 3179-0822.

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 10x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame pelo Whatsapp (11) 3179-0822.