Cultura, para Anaeróbios, Vários Materiais

Outros nomes:
ANAEROBIOS, CULTURA PARA
CULTURA ANAEROBIOS
CULTURA PARA ANAERÓBIOS

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 7 dias corridos às 18horas

Orientações necessárias

- Este exame pode ser realizado em diversos materiais clínicos, a exemplo dos listados abaixo, desde que colhidos adequadamente: -- humor vítreo -- humor aquoso -- aspirados e abscessos em geral colhidos por punção (sítio estéril); -- escovado brônquico protegido; -- aspirado de fundo de saco vaginal (coleta realizada pelo médico assistente); -- dispositivo intra-uterino (DIU); -- aspirado de seio paranasal; -- aspirado por punção transtraqueal; -- urina colhida por punção suprapúbica (realizada pelo médico-assistente); -- aspirados e tecidos colhidos durante procedimentos cirúrgico; - O material pode ser colhido pelo médico assistente (consultório ou hospital) e ser encaminhado ao laboratório, desde que seja acondicionado e transportado segundo as instruções do Fleury. Atenção: - Os materiais abaixo NÃO são aceitos para a realização deste exame: -- qualquer material proveniente de superfícies mucosas, exceto fragmento de tecido; -- secreção traqueal ou aspirados endotraqueais; -- lavado broncoalveolar; -- swab de orofaringe ou nasofaringe; -- escarro expectorado ou induzido; -- secreções de traqueostomia; -- fezes ou swab retal (ver cultura para Clostridium difficile); -- swab perineal; -- secreção vaginal ou endocervical; -- secreção uretral; -- esperma; -- secreção prostática; -- urina (de qualquer jato ou colhida por cateter). -- swab ou secreção de amígdalas -- secreção oral -- ponta de cateter -- secreção perianal -- líquidos corpóreos límpidos colhido em frasco universal

Processamento e adequação da amostra

- Amostra em frasco Bactec Anaerobic Plus - enviar em temperatura ambiente (estabilidade total de 24 horas). - Amostra em swab Copan Amies com carvão (haste simples tampa preta ou tampa laranja ou haste dupla tampa branca) - enviar em temperatura ambiente (estabilidade total de 12 horas). - Tubo com caldo tioglicolato - transportar na posição vertical, em temperatura ambiente (estabilidade total de 24 horas). - Fragmentos de tecido coletados em frasco estéril em ANAEROBIOSE - transportar em temperatura ambiente (estabilidade total de 24 horas). - Amostras com volume > 1 ml, acondicionadas em seringa e com tampa "luer lock" - transportar em temperatura ambiente (estabilidade total de 3 horas).

Método

Cultivo em meios líquido e sólidos em anaerobiose

Valor de referência

- Cultura negativa.

Interpretação e comentários

- O exame é útil no diagnóstico das infecções causadas por microrganismos anaeróbios. É recomendável a cultura específica para anaeróbios seja solicitada rotineiramente em abscessos profundos, em infecções intra-abdominais, em infecções em sítios profundos, em topografias contíguas a mucosas, ou em infecções secundárias a mordeduras. Outras indicações para solicitação de cultura para anaeróbios são: avaliação falha terapêutica na vigência de terapia antimicrobiana sem cobertura para anaeróbios, presença de gás na lesão, presença de grânulos em drenagem purulenta (actinomicose) e no caso de detecção de bactérias no exame bacterioscópico pelo Gram, e cultura para aeróbios negativa. O isolamento em cultura permite ainda a realização de testes de sensibilidade.

Hospitais

- A cultura para anaeróbios pode ser realizada em diversos materiais, mas é necessário verificar relação dos materiais que NÃO são aceitos. - Materiais que NÃO devem ser recebidos para cultura de anaeróbio: - Secreção traqueal ou aspirados endotraqueais - Lavado Bronco-alveolar - Swab de orofaringe, amígdalas, nasal e nasofaringe - Escarro - Secreção de traqueostomia - Swab perineal - Secreção vaginal ou endocervical - Secreção uretral - Esperma - Secreção prostática - Urina (de qualquer jato ou colhido por cateter) - Secreção oral - Ponta de cateter -- secreção perianal -- líquidos cavitários límpidos colhido em frasco universal ATENÇÃO PARA O TEMPO DE ESTABILIDADE DAS AMOSTRAS - Amostras coletadas em frasco Bactec Anaerobic Plus - 24 horas em temperatura ambiente - Amostras coletadas em caldo tioglicolato - 24 horas em temperatura ambiente - Amostras acondicionadas em seringas com vedação a- volume ? 1 ml - NÃO transportar fora do tioglicolato, frasco Bactec Anaerobic Plus ou swab para anaeróbios (Copan Amies com carvão, haste simples tampa preta ou tampa laranja ou haste dupla tampa branca); b- volume > 1 ml - 3 horas em temperatura ambiente; - Fragmentos de tecido a- em caldo tioglicolato - 24 horas em temperatura ambiente; b- em frasco estéril em ar ambiente - 30 minutos em temperatura ambiente; c- em frasco estéril em ANAEROBIOSE - 24 horas; - Amostras coletadas em swab para anaerobiose (Copan Amies com carvão, haste simples tampa preta ou tampa laranja ou haste dupla tampa branca) - 12 horas - MATERIAIS OFTALMOLÓGICOS - Em função da estabilidade limitada, as amostras de humor vítreo ou humor aquoso devem ser semeadas em caldo tioglicolato ou frasco Bactec Anaerobic PLus imediatamente após a coleta, pelo próprio médico assistente. - O tubo com caldo tioglicolato deve ser mantido em temperatura ambiente por até 24 horas e deve ser transportado em posição vertical. ATENÇÃO: - Cuidado ao inocular o frasco Bactec Anaerobic Plus, pois a pressão negativa poderá aspirar todo o material; portanto mantenha preso o êmbolo de modo a controlar a entrada de material no frasco. O frasco Bactec Anaerobic Plus pode ser mantido em temperatura ambiente por até 24 horas. - ABSCESSOS - Obter material do abscesso por punção com técnica asséptica. - Injetar parte do material em frasco Bactec Anaerobic Plus (mínimo de 0,1 ml e máximo de 10 ml) e enviar o restante do material "in natura" na seringa. Cuidado ao inocular o frasco Bactec Anaerobic Plus, pois a pressão negativa poderá aspirar todo o material. Mantenha preso o êmbolo de modo a controlar a entrada de material no frasco. O frasco Bactec Anaerobic Plus pode ser mantido em temperatura ambiente por até 24 horas. - O ar eventualmente presente no interior da seringa deve ser eliminado antes de inocular o frasco Bactec. - Após inoculação no frasco Bactec Anaerobic Plus a agulha deve ser removida, e deve ser acoplada tampa luer lock estéril. - Amostras com volume ? 1 ml devem ser transportadas no tioglicolato, frasco Bactec Anaerobic Plus ou swab para anaeróbios (Copan Amies com carvão, haste simples tampa preta ou tampa laranja ou haste dupla tampa branca). - Amostras com volume > 1 ml, acondicionadas em seringa e com tampa luer lock, podem ser transportadas por até 3 horas em temperatura ambiente. - LÍQUIDOS CAVITÁRIOS (PLEURAL, PERICÁRDICO, PERITONEAL) - Obter o líquido por punção com técnica asséptica. - Injetar parte do material em frasco Bactec anaeróbio (mínimo de 0,1 ml e máximo de 10 ml) e enviar o restante do material "in natura na seringa". Cuidado ao inocular o frasco Bactec Anaerobic Plus, pois a pressão negativa poderá aspirar todo o material. Mantenha preso o êmbolo de modo a controlar a entrada de material no frasco. - O ar eventualmente presente no interior da seringa deve ser eliminado antes de inocular o frasco Bactec. - Após inoculação no frasco Bactec Anaerobic Plus a agulha deve ser removida, e deve ser acoplada tampa luer lock estéril. - Amostras com volume > 1 ml, e acondicionadas em seringas com vedação, são estáveis por 3 horas em temperatura ambiente. - OBS - líquidos límpidos que não forem colhidos diretamente no frasco de hemocultura e encaminhado em frasco estéril tipo universal não será realizado cultura para anaeróbio, a não ser que tenha aspecto purululento ou secreção espessa. - FRAGMENTOS DE TECIDOS - Coletar assepticamente múltiplos pequenos fragmentos (máximo de 0,5 x 0,5 x 0,5 cm). - - Acondicionar 1 fragmento em caldo tioglicolato e os demais devem ser enviados em frasco com salina fisiológica estéril. - O tubo com caldo tioglicolato deve ser mantido em temperatura ambiente por até 24 horas e deve ser transportado em posição vertical. - Fragmentos de tecido coletados em frasco estéril em ar ambiente tem estabilidade de 30 min em temperatura ambiente. - Fragmentos de tecido coletados em frasco estéril em ANAEROBIOSE tem estabilidade por 24 horas em temperatura ambiente. - AMOSTRAS COM VOLUME MUITO REDUZIDO (< 0,1 ml) COLETADAS COM SWAB - As amostras com volume reduzido podem ser coletadas com swab estéril. O swab pode ser introduzido no caldo tioglicolato e a seguir a haste pode ser quebrada e a tampa fechada. O tubo com caldo tioglicolato deve ser mantido em temperatura ambiente por até 24 horas e deve ser transportado em posição vertical. - Alternativamente o swab pode ser acondicionado em meio de transporte. O swab que permite o transporte de anaeróbios tem carvão ativado (Copan Amies com carvão, haste simples tampa preta ou tampa laranja ou haste dupla tampa branca). Amostras coletadas em swab (Copan Amies com carvão, haste simples tampa preta ou tampa laranja ou haste dupla tampa branca) são estáveis por 12 horas em temperatura ambiente. MEDULA ÓSSEA - Realizar antissepsia, do septo de borracha do frasco Bactec Anaerobic Plus, com álcool a 70%. Aguardar a evaporação. - Realizar antissepsia da pele com clorexidina alcoólica. Aguardar a evaporação. - Utilizando técnica asséptica, coletar o maior volume possível (mínimo de 0,1 mL e máximo de 10 ml). - Injetar o material em frasco Bactec Anaerobic Plus (mínimo de 0,1 ml e máximo de 10 ml). - Cuidado ao inocular o frasco Bactec Anaerobic Plus, pois a pressão negativa poderá aspirar todo o material. Mantenha preso o êmbolo de modo a controlar a entrada de material no frasco. - O frasco Bactec Anaerobic Plus pode ser mantido em temperatura ambiente por até 24 horas. PLANTÃO NOTURNO: 1- Amostras recebidas em frasco Bactec Anaerobic Plus - manter em temperatura ambiente até o envio ao setor de Microbiologia. 2- Amostras recebidas em meio de tioglicolato - incubar em estufa a 37ºC em posição vertical até o envio ao setor de Microbiologia. 3- Amostras recebidas em swab - transferir o swab para o meio de tioglicolato e quebrar a haste. Incubar o tubo de tioglicolato em estufa a 37ºC em posição vertical até o envio ao setor de Microbiologia. 4- Fragmentos de tecido em salina estéril - transferir assepticamente, para o tubo com meio de tioglicolato, 1 fragmento se houver múltiplos fragmentos ou parte do fragmento, se fragmento único e houver outros exames. Incubar o tubo de tioglicolato em estufa a 37ºC em posição vertical até o envio ao setor de Microbiologia. 5- Líquidos biológicos recebidos em seringa - realizar antissepsia do septo do frasco Bactec Anaerobic Plus com álcool a 70% e deixar secar. - inocular no mínimo 0,1 mL e no máximo 10 mL do líquido, a depender do volume disponível e outros exames solicitados. - manter em temperatura ambiente até o envio ao setor de Microbiologia.

Dias de Medicamento

IMPORTANTE: Anotar medicamento(s) do (s)último(s): 7 dias(s).

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822