Cultura, urina terceiro jato

Outros nomes:
BACTERIOLOGICO URINA JATO FINAL
CULTURA URINA JATO FINAL
URINA JATO FINAL, CULTURA
CULTURA DE URINA JATO FINAL
URINOCULTURA, JATO FINAL
CULTURA PARA AERÓBIOS EM URINA DE TERCEIRO JATO (JATO FINAL)
UROCULTURA, TERCEIRO JATO

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 2 dias úteis (incluindo sábados) às 14h

Orientações necessárias

- A amostra deve ser colhida na unidade de atendimento devido à necessidade de o cliente receber orientação adequada para realizar o procedimento sem risco de contaminação da urina. A coleta em casa só pode ser realizada em situações especiais, mediante autorização do assessor médico do Fleury, após contato com o médico assistente. - Importante: - O cliente precisa colher a primeira urina da manhã ou, então, qualquer outra amostra isolada de urina, desde que fique pelo menos duas horas sem urinar previamente. - Caso a coleta se destine tanto ao exame de cultura quanto ao de urina tipo I, é necessário seguir as orientações para a realização da cultura de urina e recomendação que não pode ter feito uso de contraste radiológico nas 48hs antes que antecedem o exame. - Em caso de haver ultrassom de abdome total ou pelve marcado no mesmo dia da coleta para cultura ou urina tipo I, o cliente precisa ficar quatro horas sem urinar antes do exame. Para material colhido fora do Fleury - É necessário obter, no mínimo, 5 mL de urina em frasco estéril de boca larga ou coletor universal estéril. - O horário da coleta precisa ser anotado no frasco e o material deve ser entregue em até 30 minutos, se mantido em temperatura ambiente, ou em 24 horas, se refrigerado.

Processamento e adequação da amostra

-- Semear a urina em placa de meio cromogênico (CPS), de forma quantitativa conforme abaixo: - Homogeneizar o frasco de urina em movimentos "em oito" e mergulhar perpendicularmente a alça calibrada estéril de 1 microlito. -Verificar se o filme permanece na alça. Caso o filme se rompa, repetir o processo acima. -Descarregar o volume da alça fazendo uma estria central de uma extremidade a outra da placa de CPS. - Perpendicularmente a estria central, fazer estrias o mais próximo possível uma das outras, pegando toda largura da placa. - Encaminhar a placa para a microbiologia em temperatura ambiente. - As amostras de todas as Unidades Móveis e das Unidade Campinas: enviar além da placa o frasco original refrigerado para a MIC. - Unidades Leblon e Brasília: enviar a placa em temperatura ambiente e um tubo de alíquota estéril (refrigerado). - As demais unidades e hospitais , não precisam encaminhar o frasco de urina, enviar somente quando solicitada por manifestação. Neste caso o frasco deverá ser enviado no menor tempo possível. - Para volumes pequenos, semear a urina normalmente com alça calibrada de forma quantitativa. ATENÇÃO: QUANDO SOLICITADO APÓS MASSAGEM PROSTÁTICA E/OU MASTURBAÇÃO, consultar a IG do exame WURMP Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: 30 minutos; Refrigerada (2-8 °C): 24 horas.

Método

- Cultura quantitativa em meios apropriados para isolamento de diversos microrganismos. Inclui contagem de leucócitos e eritrócitos na urina.

Valor de referência

- Cultura Negativa ou dependendo do agente isolado, contagens inferiores a 10.000 UFC/mL (Unidades Formadoras de Colônias/mL).

Interpretação e comentários

- O exame é útil no diagnóstico etiológico das infecções do trato geniturinário, em especial como recurso complementar para a confirmação de prostatites. Geralmente, é solicitado conjuntamente com a cultura de jato médio de urina e de secreção prostática (ou esperma). - A presença de qualquer microrganismo, dependendo da quantidade, pode indicar um processo infeccioso. De qualquer modo, é sempre importante correlacionar o resultado da cultura de terceiro jato ou jato final ou de urina pós-massagem prostática com os outros exames de cultura de urina e de secreção prostática. - Este exame não inclui a pesquisa de outros possíveis agentes causadores de prostatite, como Mycoplasma hominis, Ureaplasma urealyticum/parvum e Chlamydia trachomatis, os quais necessitam de métodos especiais e pedidos específicos do clínico.

Hospital

- Semear de forma quantitativa a urina em paca de meio cromogênico (CPS) , conforme abaixo: - Homogeneizar o frasco de urina em movimentos "em oito" e mergulhar perpendicularmente a alça calibrada estéril de 1 microlito. -Verificar se o filme permanece na alça. Caso o filme se rompa, repetir o processo acima. -Descarregar o volume da alça fazendo uma estria central de uma extremidade a outra da placa de CPS. - Perpendicularmente a estria central, fazer estrias o mais próximo possível uma das outras, pegando toda largura da placa. - Encaminhar a placa para a microbiologia em temperatura ambiente. - Deixar a placa na estufa até encaminhar para a MIC - No caso de amostras com volumes menores que 5 mL semear normalmente com alça calibrada em uma placa de meio cromogenico (CPS) de forma quantitativa. - Encaminhar em saco plástico apropriado a placa semeada, não precisa encaminhar o frasco de urina, enviar somente quando solicitada por manifestação. --Plantão noturno: - Semear de forma quantitativa e as as placas devem ser colocado na estufa a 35 ºC e o frasco refrigerado. - Para volumes menores semear com alça descartável em placa de meio cromogênico (CPS) de forma quantitativa e incubar a placa em estufa a 35 °C.

Dias de Medicamento

IMPORTANTE: Anotar medicamento(s) do (s)último(s): 7 dias(s).

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822