Diagnóstico de Histoplasmose, através de PCR em tempo real, Vários Materiais

Outros nomes:

HISTOPLASMA

HISTOPLASMA PCR

DIAGNÓSTICO MOLECULAR DE HISTOPLASMA

PCR PARA HISTOPLASMA

Agendamento

Precisa Agendar

Prazo de Entrega

Em até 7 dias corridos às 18horas*

* Este prazo pode variar de acordo com a unidade. Por favor, ligue para a nossa Central de Atendimento para confirmar o prazo na unidade de preferência.

Orientações necessárias

- Não é necessário preparo para este exame. - O cliente deve apresentar documento de identidade original com foto

Processamento e adequação da amostra

Sangue -- Colher 3 mL de sangue em 1 tubo com anticoagulante EDTA Estabilidade da amostra: -- Temperatura ambiente: não aceitável -- Refrigerada (2-8 ºC): 72 horas -- Congelado: Não aceitável Líquor: - Não manipular - A amostra não deve ser centrifugada. - Enviar 1 mL de liquor refrigerado em frasco estéril. - Estabilidade da amostra: -- temperatura ambiente: não aceitável -- refrigerada (2-8ºC): 7 dias; -- congelada (-20ºC): 30 dias; Lavado broncoalveolar, ou lavado de nasofaringe: - Não Centrifugar - Enviar mínimo de 1 mL de lavado broncoalveolar ou de nasofaringe, em frasco estéril. - Acondicionar a amostra de cada cliente em sacos plásticos separados, ou seja, não colocar amostras de pacientes diferentes no mesmo saco plástico, pois se houver algum vazamento, poderá ocorrer contaminação de uma amostra com a outra. - As amostras devem ser enviadas à Seção de Métodos Moleculares refrigeradas, preferencialmente em até 24 horas. - Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: 24 horas Refrigerada (2-8ºC): 7 dias Congelada (-20ºC): 30 dias

Método

- Reação em Cadeia da Polimerase em tempo real (PCR em tempo real).

Valor de referência

- Limite de detecção sangue: 1500 cópias/mL. - Limite de detecção líquor: 1200 cópias/mL. - Limite de detecção lavado broncoalvelar e lavado nasofaríngeo: 750 cópias/mL.

Interpretação e comentários

A Histoplasmose é uma doença fúngica endêmica causada pelo fungo Histoplasma capsulatum, prevalente mundialmente, mas principalmente nas Américas do Sul e do Norte. A manifestação clínica da histoplasmose é variável, podendo cursar com primo-infecção assintomática, quadros pulmonares ou infecção disseminada. Esta última apresentação é mais frequente em pacientes imunocomprometidos , apresentando uma taxa de mortalidade de 30% em pacientes HIV/AIDS na América Latina. O diagnóstico é realizado comumente utilizando o isolamento em cultura e testes sorológicos , porém a utilização de métodos moleculares traz rapidez ao diagnóstico mantendo boa sensibilidade e especificidade quando comparado à cultura, apesar de poucos relatos de reações cruzadas com outros fungos pouco usuais. Testes adicionais para Histoplasmose, como pesquisa direta e cultura, histopatologia e sorologia podem ser utilizados já que cada método oferece vantagens e desvantagens a depender do estágio da doença e do status imune do paciente. O alvo da PCR é a proteína 100-KDa, proteína essencial para sobrevivência do Histoplasma capsulatum sendo o resultado do teste expresso em números de cópias do gene 100-kDa.

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou entre em contato com a nossa Central de Atendimento pelo Whatsapp (11) 3179-0822.

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame pelo Whatsapp (11) 3179-0822.