Fator IX, Inibidor, quantificação, plasma

Outros nomes:

ANTICORPOS ANTI-FATOR IX

FATOR 9, ANTICORPOS

FATOR 9, INIBIDOR

FATOR IX, ANTICORPOS

FATOR IX, INIBIDOR

INIBIDOR DO FATOR IX

INIBIDOR DO FATOR IX, QUANTIFICACAO

Fator IX, Inibidor, quantificação

Orientações necessárias

- Após dieta leve, o jejum não é necessário. Caso contrário, sugere-se jejum de três horas. - O cliente deve informar todos os medicamentos utilizados nos últimos sete dias.

Processamento e adequação da amostra

Atenção: solicitar novo material para amostra hemolisada. Não serão aceitas amostras com o mínimo grau de hemólise. Verificar: - Se o material foi colhido em tubo correto. - Se há presença de coágulo, invertendo gentilmente o tubo. - Se o volume do sangue mais o de anticoagulante atingiu 90% ou mais do nível do tubo . - Manter o tubo tapado para não mudar o pH. - Preparar o PPP. - PREPARO DO PPP (plasma pobre em plaquetas). - No MÁXIMO até 3 horas após a coleta, centrifugar a amostra em 18 ºC, por 15 minutos a 2200 g. - Separar o plasma cuidadosamente, com pipeta plástica, sem tocar a camada que contém as plaquetas. - Colocar em 1 tubo plástico da BD de 4,0 mL - Volume mínimo de plasma a ser enviado: 2 mL. - Enviar imediatamente à seção, envolto em gelo seco.

Método

- Quantificação de inibidor do fator IX em Unidades Bethesda. - O método se baseia na quantificação do fator IX:C residual em misturas de plasma do paciente (em diferentes diluições) com "pool" de plasmas normais.

Valor de referência

- Indetectável. - Limite inferior de detecção: 0,5 unidade Bethesda.

Interpretação e comentários

- Este exame permite a confirmação da presença de inibidor específico do fator IX, assim como sua quantificação em unidades Bethesda. - Os inibidores do fator IX são anticorpos, em sua grande maioria, tipo IgG, os quais se encontram em portadores de hemofilia B após o uso de terapêutica específica para reposição de fator IX. Ocorrem em cerca de 5% dos indivíduos com hemofilia B grave (fator IX:C menor que 1%) e raramente são observados em portadores de hemofilia moderada ou leve. - Parece haver correlação entre as alterações gênicas maiores, com ausência completa de fator IX circulante, e o maior risco de desenvolvimento de anticorpos contra o fator IX. Inibidores adquiridos, não associados à hemofilia B, são extremamente raros.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou entre em contato com a nossa Central de Atendimento pelo Whatsapp (11) 3179-0822.

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 10x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame pelo Whatsapp (11) 3179-0822.