HIV-1, Resistência a Medicamentos Antiretrovirais, plasma

Outros nomes:
GENOTIPAGEM P/INIBIDORES DA PROTEASE
GENOTIPAGEM P/INIBIDORES DA TRANSCRIPTASE REVERSA
GENOTIPAGEM PARA HIV
HIV, GENOTIPAGEM
HIV, RESISTENCIA A DROGAS
HIV-1, DETECCAO DE MUTACOES DO VIRUS, RESISTENCIA
HIV-1, RESISTENCIA A DROGAS ANTIRETROVIRAIS
HIV-1, RESISTÊNCIA A MEDICAMENTOS ANTIRETROVIRAIS
HIV-1, RESISTENCIA AO COQUETEL
MUTACOES DO HIV-1, RESISTENCIA A DROGAS
RESISTANCE TO HIV-1 ANTIRETROVIRAL DRUGS
RESISTENCIA DO HIV-1 A DROGAS ANTIRETROVIRAIS

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 10 dias corridos às 18h

Processamento e adequação da amostra

- Receber a amostra em embalagem REF e mantê-la nesta condição até a manipulação. - Dentro de, no máximo 4 horas após a coleta, centrifugar o material por 10 minutos a 2200 g, a 18 °C; - Não manusear. - Enviar à seção, refrigerado. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: não aceitável; Refrigerada (2-8 ºC): 48 horas; Congelada (-20 ºC): 1 mês.

Método

- Seqüenciamento das regiões codificantes para a protease e transcriptase reversa do HIV-1, compreendendo, respectivamente, os códons 1 a 99 e 1 a 259. Após compilação das seqüências, os resultados são validados e, através de análise comparativa contra a seqüência referência, é realizada identificação das mutações em cada um dos genes. A interpretação do padrão de resistência é realizada por algoritmo disponível em banco de dados público internacional, o qual é atualizado regularmente com a consultoria de especialistas reconhecidos internacionalmente.

Valor de referência

- Relatório descritivo

Interpretação e comentários

- O teste está indicado para a avaliação do perfil de resistência/sensibilidade do HIV-1 aos agentes anti-retrovirais em indivíduos que não apresentam resposta satisfatória ao tratamento. O exame é realizado por meio do seqüenciamento dos genes da protease e da transcriptase reversa do HIV-1 e da identificação de mutações, que, quando presentes, podem determinar resistência aos inibidores da transcriptase reversa e da protease. A interpretação das alterações genéticas, com a definição dos medicamentos para os quais há resistência, utiliza um algoritmo atualizado regularmente com a consultoria de especialistas reconhecidos internacionalmente. - O exame padronizado no Fleury permite analisar adequadamente os subtipos B e não-B do HIV-1, em particular o subtipo F, que está presente em cerca de 10% dos brasileiros portadores do vírus. - Na prática, o teste detecta mutações que conferem resistência a todos os anti-retrovirais atualmente aprovados para uso: 1) Inibidores da transcriptase reversa análogos de nucleosídeos: -lamivudine (3TC) -abacavir (ABC) -zidovudine (AZT) -stavudine (D4T) -didanosine (DDI) -emtricitabine (FTC) -tenofovir (TDF) 2) Inibidores da transcriptase reversa não-análogos de nucleosídeos: -efavirenz (EFV) -etravirine (ETR) -nevirapine (NVP) rilpivirine (RPV) 3) Inibidores da protease: -atazanavir/r (ATV/r) -darunavir/r (DRV/r) -fosamprenavir/r (FPV/r) -indinavir/r (IDV/r) -lopinavir/r (LPV/r) -nelfinavir (NFV) -saquinavir/r (SQV/r) -tipranavir/r (TPV/r) - Teste validado para avaliação de carga viral igual ou superior a 2000 cópias/mL. - Por ser um teste indireto, são previstas situações em que o comportamento clínico não corresponde ao esperado pelo resultado da genotipagem. Adicionalmente, a ausência das mutações que conferem resistência a um determinado medicamento não garante que a população de vírus seja sensível a tal droga. Portanto, é imperioso um julgamento crítico e cauteloso de cada caso, valorizando-se prioritariamente sua resposta e evolução clínica.

Orientações necessárias

- Este exame não necessita de preparo. - Esse teste é validado para amostras com carga viral igual ou superior a 2.000 cp/mL. Nos casos em que a carga viral está entre 1.000 e 2.000 cp/mL, é possível realizar o teste, contudo, o resultado pode ser inconclusivo, o que não implicará reembolso do cliente, uma vez que todas as etapas da técnica precisam ser executadas para essa determinação. Cargas virais inferiores a 1.000 cp/mL impossibilitam a realização do exame.

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822