Manganês, urina

Outros nomes:
MANGANÊS, PESQUISA E DOSAGEM NA URINA

Agendamento

Este exame nao necessita ser agendado.

Prazo de Entrega

Em até 10 dias corridos às 18h

Processamento e adequação da amostra

Urina isolada: - Verificar se a amostra foi enviada em frasco cristal de tampa branca. Caso não seja esse o frasco, solicitar nova coleta. - Não manipular. - Enviar refrigerado. - Volume mínimo: 20 mL. Urina de 24 horas: - Urina de 24 horas, colhida em frasco de urina Livre de metal (1 litro). Alíquotar no mínimo 20 ml em frasco cristal de tampa branca. Manusear o mínimo possível para evitar contaminação da amostra. "ATENÇÃO - Em se tratando da coleta de metais, frascos com tampas coloridas (Ex.: estéril), não podem ser utilizados, pois podem trazer algum tipo de contaminante."

Método

- Espetrofotometria de absorção atômica

Valor de referência

Valor de referência: até 8 microgramas/L Indice Biológico Máximo Permitido: 50 microgramas/L

Interpretação e comentários

- O manganês é um metal, elemento traço, presente no tecido conectivo, importante no metabolismo de carboidratos e de lipídeos. Tal elemento está presente em diversos alimentos, razão pela qual sua deficiência em pessoas com dieta livre nunca foi documentada. Contudo, a restrição do aporte do metal em dietas parenterais pode ocasionar redução da síntese de colesterol, alterações ósseas e, em crianças, retardo de crescimento. A intoxicação por manganês decorre de exposição ocupacional. Entre as principais aplicações industriais do manganês, destacam-se a fabricação de fósforos de segurança, pilhas secas, ligas não ferrosas (com cobre e níquel), esmalte porcelanizado, fertilizantes, fungicidas, preservativo de madeira e da borracha, rações, eletrodos para solda, magnetos, catalisadores, vidros, tintas, cerâmicas, materiais elétricos e produtos farmacêuticos (cloreto, óxido e sulfato de manganês). A toxicidade por manganês decorre de sua inalação e por condições que comprometam a excreção biliar, como se observa na hepatopatia colestática, além de estar associada à hemodiálise. Causa irritação conjuntival, pneumonite e febre dos fumos metálicos. Também pode penetrar por via digestiva. A exposição crônica produz manifestações no sistema nervoso, tais como, fraqueza, insônia, dificuldade de memorização, dores musculares, rigidez, distonia, psicose e causa também síndrome parkinsoniana (sintomas extrapiramidais). Pode ainda haver alterações comportamentais, como episódios de mania, alucinação, apatia, depressão e confusão. O diagnóstico de intoxicação por manganês é sugerido pela clínica e pela ressonância magnética de crânio, que mostra alteração do sinal do globo pálido nas sequências T1, e confirmado por meio da dosagem do metal no soro ou no plasma. A meia-vida do manganês no sangue é curta (37 dias), sendo a urina o principal exame para avaliação ocupacional.

Orientações necessárias

I - Material - Este exame pode ser feito em amostra isolada de urina e/ou urina de 24 horas. - Para urina de 24 horas retirar o frasco na unidade. II - Coleta - O procedimento não pode ser feito no posto de trabalho. Quando realizado nas dependências da empresa, deve ser feito no ambulatório ou em outro ambiente limpo e sem contaminação. - Antes da coleta, deve ser feita rigorosa higiene das mãos. - O cliente não deve usar a vestimenta usual de trabalho ao coletar este exame. III - Prazo para a entrega do material - O material deve ser mantido refrigerado e entregue no Fleury até três dias após a coleta.

Dias de Medicamento

0

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (11) 3179-0822

Preços e Pagamento Particular

Sabia que o Fleury oferece parcelamento em até 6x sem juros e condições especiais para pagamento particular para os médicos cadastrados?

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: (11) 3179-0822