Manual de exames

Vacina, FEBRE TIFÓIDE

Outros nomes: VACINA CONTRA FEBRE TIFOIDE, VACINA CONTRA Salmonella typhi, VACINA INATIVADA CONTRA FEBRE TIFOIDE, VACINA INATIVADA CONTRA Salmonella typhi, VACINA CONTRA FEBRE TIFOIDE, INATIVADA, VACINA CONTRA FEBRE TIFOIDE, POLISSACARÍDICA, Vacina polissacarídica contra febre tifóide, Vacina polissacarídica contra Salmonella typhi, TYPHIM VI

Este exame não precisa ser agendado

Orientações necessárias

"Indicação de uso:
-- Prevenção da febre tifoide relacionada à bactéria Salmonella typhi em adultos e crianças a partir de 2 anos completos de idade, especialmente para pessoas que viajam para áreas endêmicas, migrantes, pessoas da área de saúde e militares.
-- A vacinação com a vacina polissacarídica contra febre tifoide (Typhim Vi®) deve ocorrer, idealmente, pelo menos 2 semanas antes de uma possível exposição à infecção por Salmonella typhi.

Faixas etárias de indicação: uso adulto e pediátrico a partir de 2 anos completos, sem limite superior de idade.

Restrições:
-- Vigência de quadro febril e/ou infeccioso leve (como um resfriado ou gastroenterite): recomenda-se apenas adiar a vacinação até melhora dos sintomas, uma vez que não se trata de uma contraindicação absoluta;
-- Hipersensibilidade (anafilaxia) aos componentes da vacina ou a uma dose anterior deste imunizante.
-- Assim como outras vacinas de administração intramuscular, Typhim Vi® deve ser aplicada com cautela em indivíduos com trombocitopenia ou qualquer distúrbio de coagulação, nos quais há risco de sangramento após injeção intramuscular.
-- Em caso de questionamento sobre APLICAÇÃO SIMULTÂNEA informar que as vacinas podem ser aplicadas no mesmo dia, porém uma de cada vez. Ou seja, não oferecemos o serviço de aplicação de duas vacinas ao mesmo tempo.

Gestação: Não há dados de segurança de Typhim Vi® quando aplicada durante a gestação. O uso nessa população pode ser realizado exclusivamente mediante pedido médico.

Lactação: apesar de não haver estudos sobre efeitos da administração de Typhim Vi® durante a amamentação, considera-se que vacinas polissacarídicas (como Typhim Vi®) são seguras e autorizadas para uso durante a lactação, sem necessidade de pedido médico.

ATENÇÃO: o preço da vacina se refere sempre a uma dose unitária.

Locais e horários de aplicação - A aplicação da vacina é realizada após entrevista médica nas Unidades:
-- Alphaville: de segunda a sexta, das 07:00 às 17:30; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Anália Franco II: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Atendimento Móvel: de segunda a sábado, mediante agendamento prévio, conforme disponibilidade da agenda; Domingos: serviço fechado.
-- Braz Leme: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Campo Belo: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- Itaim: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; domingo fechado
-- Morumbi: de segunda a sábado, das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
-- República do Líbano I: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:30; aos domingos das 07:00 às 12:00.
-- Paraiso: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 18:00; aos domingos das 07:00 às 12:00.
-- Rochaverá: de segunda a sábado, das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.
--Santo André II: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; domingo fechado
-- Villa Lobos: de segunda a sexta, das 07:00 às 18:00; aos sábados das 07:00 às 12:00; Domingos: serviço fechado.

ATENÇÃO: a carteira de vacinação é OBRIGATÓRIA para menores de 12 anos.

Atendimento móvel
Quando a aplicação da vacina for através do Atendimento Móvel:
-- Favor digitalizar a carteirinha de vacinação e/ou pedido médico e encaminhar o arquivo para o e-mail Pedido Móvel ([email protected]) - o título do e-mail deve conter o nome completo do cliente.
-- É necessário, para a realização da vacina, uma entrevista médica a ser realizada pelo telefone no período de 24-48hs uteis antes da data do agendamento."

Doses e intervalos

"Esquema de vacinação habitual:
-- Dose única.
-- Não foi estabelecido um calendário ideal de reimunização, porém recomenda-se revacinação após 3-5 anos em casos de exposição repetida ou continuada ao patógeno.

Coadministração:
-- Typhim Vi® pode ser administrada com outras vacinas inativadas ou atenuadas em uma mesma visita, porém em diferentes locais de aplicação.
-- Typhim Vi® não deve ser misturada com outra vacina nem com outro medicamento.

Intercambialidade: o conceito de intercambialidade não se aplica a esta vacina, uma vez que a vacina conjugada contra febre tifoide (Typbar TCV®) não está licenciada para uso no Brasil.

Observações:
-- Typhim Vi® não deve ser usada para tratar um paciente com febre tifoide ou portador assintomático crônico de Salmonella typhi.
-- O esquema vacinal deve ser sempre individualizado para cada paciente."

Composição

"Composição: cada dose (0,5 ml) de Typhim Vi® contém
-- Ingredientes ativos: polissacarídeo capsular Vi purificado de Salmonella typhi (cepa Ty2)
-- Excipientes: fenol, cloreto de sódio, fosfato dissódico di-hidratado, fosfato monossódico di-hidratado, água para injeção.
-- Conservantes: não contém.

Fabricante: Sanofi."

Interpretação e comentários

"Agente Infeccioso: A febre tifoide é uma infecção potencialmente fatal causada pela bactéria Gram-negativa Salmonella typhi. Os humanos são o único hospedeiro e reservatório natural do S typhi e as infecções resultam do consumo de alimentos ou água contaminados pelas excreções de um caso agudo ou de um portador assintomático – situação comumente descrita em comunidades urbanas densamente povoadas onde água potável e alimentos são contaminados com fezes humanas. A terapia antibiótica é o principal tratamento, no entanto, S. typhi vem se tornando cada vez mais resistente ao tratamento com a maioria dos antibióticos comumente usados.

Indicação:
-- Imunização ativa para a prevenção de febre tifoide causada pela bactéria Salmonella typhi.
-- A vacinação com Typhim Vi® deverá ocorrer, idealmente, pelo menos 2 semanas antes de uma possível exposição à infecção por Salmonella typhi.

Plataforma vacinal: vacina polissacarídica (antígenos capsulares de Salmonella typhi não-conjugados).

Coadministração:
-- Typhim Vi® pode ser administrada com outras vacinas inativadas ou atenuadas em uma mesma visita, porém em diferentes locais de aplicação.
-- Typhim Vi® não deve ser misturada com outra vacina nem com outro medicamento.

Observações:
-- Assim como identificado com outras vacinas polissacarídicas, a produção de anticorpos pode ser insuficiente em crianças menores de 2 anos de idade.
-- Typhim Vi® proporciona proteção contra infecções
relacionadas à bactéria Salmonella typhi, mas não dá nenhuma proteção contra a Salmonella paratyphi A, Salmonella paratyphi B ou contra a Salmonella não-tifóide.
-- A vacinação contra a febre tifóide não é obrigatória para viagens internacionais, mas é recomendada para viajantes para algumas regiões do mundo como África, Ásia e América Central e América do Sul, onde exista um risco reconhecido de exposição à bactéria S. typhi.
-- Como ocorre com qualquer imunobiológico, as vacinas podem não proteger completamente todos os indivíduos que a receberem.
-- Typhim Vi® não se destina ao uso no tratamento de infecção ativa ou estado de portador da bactéria Salmonella typhi."

Convênio e cobertura

Consulte nossa página de Convênios para mais informações

Particular e valores

Não tem convênio? Fale com a gente e consulte as condições especiais de pagamento particular.

Faça em casa

Agora, você pode fazer exames de sangue, urina e fezes em casa, no trabalho ou onde preferir. Consulte as regiões de cobertura